Um estudo da Fundação Portuguesa de Cardiologia mostra que cerca de 2/3 da população adulta portuguesa têm o colesterol elevado.
As sociedades científicas europeias recomendam, como valores normais um colesterol inferior a 190 mg/dl quando se trata da população em geral.
No entanto, o colesterol elevado não causa sintomas. Quando estes ocorrem podem surgir sob a forma de dor no peito por angina ou enfarte do miocárdio.
Estamos pois, perante uma patologia grave em que é fundamental fazer prevenção.
O colesterol é uma gordura essencial existente no nosso organismo, que tem duas origens: uma parte produzida pelo próprio organismo, em particular o fígado, e outra parte obtida através da alimentação, em particular pela ingestão de produtos animais, como a carne, os ovos, e os produtos lácteos.
O organismo necessita de colesterol para produzir:

O colesterol circula no sangue ligado a uma proteína: este conjunto colesterol - proteína é, por isso, conhecido por lipoproteína:

O nosso organismo necessita de apenas uma pequena quantidade de colesterol para satisfazer as suas necessidades.
Na procura de soluções para a manutenção de valores saudáveis de colesterol, os suplementos alimentares surgem como importantes aliados na promoção do bem-estar e na proteção da sua saúde.

Modo de tomar
Tomar 1 comprimido por dia, às refeições

Recomendações e precauções
Não recomendado em crianças e adolescentes.
Não deve ser excedida a toma diária indicada. A toma pode ser alterada de acordo com a prescrição médica.
Os suplementos alimentares não devem ser utilizados como substitutos de um regime alimentar variado.
Não consumir no caso de hipersensibilidade ou alergia a qualquer um dos seus constituintes.
Em caso de gravidez ou amamentação, consulte previamente o seu médico ou farmacêutico.
Em caso de dúvida consulte um profissional de saúde, o seu médico ou farmacêutico.

Não contém açúcar

Voltar ao início

Por haver cada vez mais doentes com intolerância às estatinas (grupo de fármacos mais utilizado) e uma maior procura por outros produtos com efeito hipolipemiante semelhante, desenvolvemos o LipoCOLESTEROL tecnilor ®.

LEVEDURA ARROZ VERMELHO
A levedura de arroz vermelho é muito rica em fitoesteróis, ácidos gordos e monacolina K, um composto altamente eficaz em inibir a síntese de colesterol, sendo também muito eficaz na redução dos triglicéridos.
A ação da levedura de arroz vermelho no colesterol parece ser muito similar à ação das estatinas químicas, sendo por isso denominada como estatina natural. Cada vez mais tem vindo a afirmar-se como uma eficaz alternativa no controlo das dislipidemias, sobretudo nas pessoas que apresentam intolerância na toma de fármacos à base de estatinas químicas (desde mialgias, fraqueza muscular, etc.).
A EFSA (Autoridade Europeia para a Segurança Alimentar) aprovou alegações de saúde para a Monacolina K da levedura do arroz vermelho:

“A monacolina K do Arroz Vermelho Fermentado contribui para a manutenção de níveis normais de colesterol no sangue”.

COENZIMA Q10
É uma molécula que existe no nosso organismo e que desempenha um papel fundamental no metabolismo energético, e na proteção antioxidante das nossas células.
A coenzima Q10 revelou em vários estudos um aumento dos níveis de HDL e de vitamina E; diminuição significativa da pressão arterial; quer sistólica quer diastólica; diminuição dos níveis glicémicos em diabéticos tipo II; melhoria em doentes com Parkinson; provou-se ainda que reduz a placa bacteriana com consequente diminuição de inflamações periodontais e ainda diminuição das enxaquecas.
Atualmente o maior risco de deficiência em Q10 é o consumo de estatinas, beta-bloqueantes e antidepressivos.

ÓLEO DE PEIXE/OMEGA 3
O ómega 3 favorece a diminuição do colesterol e triglicéridos no sangue, tem propriedades anti trombóticas (evitam a trombose) e anti-aterogénicas (previnem a aterosclerose que resulta no entupimento das veias). Têm um efeito protetor sobre o aparecimento de perturbações do ritmo cardíaco e das doenças cardiovasculares de uma forma geral.

VITAMINA E
A vitamina E contribui para proteger as células do stress oxidativo.

POLICOSANOL
O Policosanol ajuda na manutenção das concentrações normais de “mau colesterol” no sangue e ajuda também a promover o aumento do “bom colesterol” no sangue.
Devido ao risco de efeito aditivo deve ser tomado com precaução por indivíduos que tomem anticoagulantes orais ou antiagregantes plaquetares.

VITAMINAS B6 E B12
As vitaminas B6 e B12 contribuem para a formação normal dos glóbulos vermelhos.

CRÓMIO
O Crómio contribui para o metabolismo normal de macronutrientes, e para a manutenção de níveis normais de glicose no sangue.
É ainda vital para a síntese de colesterol.

Voltar ao início

Ingredientes:
Levedura de arroz fermentado; Óleo de peixe em pó; agentes de volume: Celulose microcristalina, Povidona, Amido de milho; Coenzima Q10; Vitamina E (acetato de tocoferol); Policosanol; antiaglomerantes: Talco, Estearato de magnésio, dióxido de sílica; Vitamina B6 (cloridrato de piridoxina); Picolinato de crómio; Ácido Fólico; Vitamina B12 (cianocobalamina).

Voltar ao início